8 lições para readaptar e melhorar a gestão de recursos humanos

gestão de recursos humanos

8 lições para readaptar e melhorar a gestão de recursos humanos

Estamos vivendo em um momento delicado, tanto para economia quanto para a gestão de recursos humanos. De fato, o ano de 2020 está sendo de bastante mudança e desafios para os profissionais de RH das empresas, cujo objetivo é tornar o ambiente de trabalho, mesmo em home office, o melhor possível.

Pensando nisso, hoje trouxemos 8 lições para você melhorar e, diante de diversas mudanças, readaptar a gestão de recursos humanos. Isso tudo para que você entenda e supere esse período difícil da melhor maneira possível. Confira!

1.      Seja o mais claro possível na hora de definir as funções


Manter as funções que cada funcionário vai fazer às claras é o primeiro passo para ter uma boa gestão de recursos humanos. Por ser uma das tarefas mais importantes para o RH, é importante sempre lembrar disso.

Com tudo feito de maneira objetiva, o funcionário fica ciente de qual vai ser a sua função dentro da empresa e quais ações ele deve priorizar logo de início. De fato, isso reduz bastante o estresse no ambiente de trabalho, já que o colaborador está sendo bem instruído nos seus primeiros passos dentro da empresa.

Vale lembrar que, ao definir as metas que o funcionário deve bater, seja realista e não proponha algo inalcançável. Fazer essas propostas impossíveis pode gerar bastante conflito entre o funcionário e a empresa, prejudicando ambos.

2.      O investimento em treinamentos é essencial


Um bom funcionário é aquele que, além de desempenhar a sua função da melhor maneira possível, também faz questão de se manter em constante aprendizado. Ou seja, buscar treinamentos para manter o colaborador atualizado em sua função, independente de qual seja, é um dos pilares principais para uma boa gestão de recursos humanos.

Caso a sua empresa seja de pequeno ou médio porte, que contém menos funcionários em atuação, mantê-los atualizados é sempre uma ótima opção. Em resumo, um bom atendimento com uma pessoa especializada que entende do assunto tratado pode fazer com que a sua empresa decole no mercado.

3.      Estabeleça check-ins diários entre as equipes


Sem aquele bate-papo na copa do trabalho, é preciso pensar em uma outra forma de manter as conversas para alinhar os planos do dia. Criar uma rotina de check-in diário é a melhor saída para esses casos. Essa prática ajuda a melhorar tanto a gestão de recursos humanos, quanto as equipes em si, estabelecendo e tomando como prioridade as tarefas do dia, para que não haja atrasos ou problemas.

Por exemplo, fazer pela manhã uma videoconferência, ligação, uma conversa no chat da rede social corporativa ou até mesmo troca de e-mails pode criar uma normalidade, se tornando o “novo bate-papo na copa da empresa”. Ferramentas como Trello e Monday.com também servem como um bom meio de estabelecer a cultura do check-in entre as equipes.

4.      Forneça suporte emocional e apoio ao seu funcionário


Uma boa gestão de recursos humanos vai além de fornecer material de trabalho. Um bom gestor também se preocupa com a saúde emocional de seu funcionário. Esse período é novo para todos, trabalhar em regime de home office, em alguns casos, pode ser bastante prejudicial para a saúde emocional.

Em uma configuração de trabalho totalmente remota, como a que estamos vivendo, o gestor de recursos humanos e o gestor da equipe precisam estar mais disponíveis do que o antes. Essa disponibilidade tem que ser além do check-in diário, pois podem ocorrer outros problemas que fazem o funcionário cair no rendimento no decorrer do dia, por exemplo.

Em diversos casos, alguns minutos de conversa pode fazer com que o funcionário se sinta acolhido, mesmo que de longe, pela empresa. De fato, esse suporte emocional também é um dos pilares importantes para uma boa gestão de recursos humanos e das equipes.

5.      Criar relações que vão além do clima empresarial


Quando falamos em criar essas relações, em períodos antes da pandemia, sempre havia aqueles momentos de descontração ou até mesmo um happy hour depois do trabalho. Sair um pouco do ambiente de trabalho para conversar sobre as novidades da semana, hobbies ou outros assuntos também é uma ótima alternativa para melhorar o ambiente.

Uma ótima maneira de fazer isso é deixar alguns minutos da videoconferência para assuntos diversos. As pessoas podem conversar sobre o que quiserem nesse meio tempo, por descontração. Outra ideia que está em alta nesse período é o happy hour online. Junte o pessoal em uma videoconferência como se estivessem todos reunidos em algum restaurante ou bar.

6.      Utilize um feedback constante com as equipes


Para obter uma boa gestão de recursos humanos, você precisa saber o que está acontecendo com a empresa, ainda mais nesse período de pandemia. Manter uma rotina de feedback ajuda a acompanhar como as coisas estão andando, se os funcionários precisam de alguma ajuda ou tem alguma sugestão para o período.

Portanto, o fato de o funcionário estar livre para fazer comentários e adicionar algumas sugestões é muito importante. A opinião dele em relação a empresa e como ele se sente, para que possam haver algumas mudanças e melhorias na gestão de recursos humanos ao longo do tempo.

7.      Mantenha um bom clima mesmo no período de home office


Esse é um dos passos fundamentais para que a gestão de recursos humanos seja feita da melhor maneira possível. Manter um bom clima entre os colaboradores faz com que o ambiente de trabalho fique mais agradável e a empresa caminhe de forma perfeita.

Desta maneira, é importante que tenha sempre em mente que é preciso manter o ambiente de trabalho tranquilo entre os colegas.

A lista para uma boa gestão de recursos humanos pode conter outros pontos além destes citados, variando de empresa para empresa. O que existe é uma linha a ser seguida para que a gestão seja boa. Buscar meios para melhorar o ambiente de trabalho é uma tarefa do RH e deve ser feita da melhor maneira possível.

 

Compartilhe

Deixe seu e-mail e receba antes o nosso conteúdo.