4 maneiras para o gestor apoiar o desenvolvimento do colaborador

desenvolvimento do colaborador

4 maneiras para o gestor apoiar o desenvolvimento do colaborador

Na correria do dia a dia, o colaborador está ansioso para aprender e desenvolver novas habilidades. Enquanto o desenvolvimento dos colaboradores está decolando, os gestores ainda buscam ativamente essa condução. Pense nos gestores como coaches que podem orientar seus colaboradores diretos e criar a cultura que apóia e incentiva seus desenvolvimentos. Ter um gestor que traga desenvolvimento para a conversa e manifeste o desejo de ajudar os colaboradores a crescer, estabelecerá o ambiente ideal para que os mesmos busquem melhorias.

A CEB descobriu que a “falta de futuras oportunidades de carreira é a principal razão pela qual as pessoas deixam o emprego”. Assim, se os gestores não fomentarem uma cultura focada no desenvolvimento, os colaboradores não verão isso como uma opção e procurarão outro lugar que nutra seu desejo de melhorar.

Por isso a importância de envolver os gestores na conversa com seus colaboradores, sendo assim, destacamos 4 maneiras que eles podem apoiar o desenvolvimento deles.

1. Conduza os gestores a terem conversas significativas com seus colaboradores


Essas conversas devem ser separadas das reuniões de análise de desempenho. Os gestores fazem check-in trimestral com seus diretos para abordar conquistas e dificuldades do último trimestre. Olhando para trás, os gestores podem ajudar a direcionar a criação de um plano de desenvolvimento para o próximo trimestre que aborde as habilidades que precisam ser melhoradas. Caberá ao colaborador executar o plano, mas o envolvimento do gestor será imprescindível na orientação e responsabilidade da tarefa.

2. Fale sobre metas e use o alinhamento para auxiliar no progresso do colaborador


As metas andam lado a lado com os check-in, elas estabelecem a intenção e são necessárias para realizar as conversas de maneira significativa. Criar metas de desenvolvimento ajuda os colaboradores a manterem o foco no progresso das competências que desejam melhorar.  Ao incluir o alinhamento de metas, os gestores conduzem os colaboradores para o sucesso.

3. Direcione os gestores a darem feedback construtivos e contestáveis


Dê suporte aos gestores fornecendo modelos de feedback útil e construtivo. Os modelos são a base para fornecer feedback de qualidade em um formato de fácil entendimento e contestável. Usar um modelo é menos intimidador e elimina supostas deduções.

Peça feedback durante todo o ano para evitar o esquecimento e obter uma visão geral anual do colaborador.

Muitas organizações utilizam equipes que se reúnem apenas para a realização de um projeto. Isso significa que nem sempre as melhores pessoas para pedir feedback serão as mesmas, já que as equipes mudam de acordo com o projeto em que estão envolvidas, portanto, obter feedback quando a relação de trabalho estiver mais recente ajudará a garantir feedbacks com mais qualidade, que forneçam insights precisos sobre o colaborador.

Ao coletar feedback ao longo do ano, os gestores também garantem uma transição mais tranquila do cargo. Os novos gestores terão conhecimento das habilidades de um colaborador se conseguirem fazer a leitura do feedback coletado nos meses anteriores.

Criar uma cultura que suporte o desenvolvimento do colaborador começa com os gestores. Sem o envolvimento deles, os colaboradores ficam sem uma orientação clara e sentem-se limitados. A inclusão de gestores no processo fornece aos colaboradores a estrutura de apoio que precisam para se sentirem à vontade no desenvolvimento.

Compartilhe