O poder dos influenciadores internos na Comunicação Corporativa

Compartilhe

Você sabe o que e quem são os influenciadores internos e como eles podem auxiliar a comunicação da sua empresa?

Antes de qualquer coisa, para começarmos a falar sobre esse assunto, temos que fazer, primeiro, um paralelo com os conteúdos produzidos pelos chamados influenciadores digitais.

No geral, os influenciadores digitais são pessoas carismáticas que conseguem obter um grande alcance nas redes sociais, sejam elas Instagram, Facebook, YouTube, LinkedIn ou TikTok, influenciando a opinião, o desejo, o consumo e comportamento de um grande números de seguidores. 

Isso porque é cada vez mais difícil encontrar  alguém que não faça uso de nenhuma rede social. E as estatísticas estão aí para provar isso: o Brasil é o 3° país que mais utiliza as redes sociais no mundo, de acordo com uma pesquisa da NordVPN. 

Nesse sentido, os influenciadores digitais acabaram ganhado força nos últimos anos, graças ao crescimento das redes sociais. Mas você já parou para pensar que existem profissionais que “realizam esse mesmo trabalho” no ambiente corporativo?

Eles são os chamados influenciadores internos – ou embaixadores da cultura organizacional.

Qual é a relação entre influenciadores digitais e influenciadores internos?

Tal como acontece na internet, as empresas também contam com seus próprios influenciadores: os colaboradores mais alinhados com a cultura da empresa e, que, naturalmente exercem esse papel de influência.

Também é importante ressaltar aqui que esses influenciadores internos realizam, de certa forma, um papel de embaixadores da marca, agindo como líderes informais, já que, mesmo quando eles não atuam em cargos de gestão, acabam influenciando os seus colegas.

Em outras palavras, os influenciadores internos conseguem, entre outras coisas, engajar a equipe ao seu redor e divulgar campanhas e ações de endomarketing, carregando e fortalecendo a cultura organizacional dentro do ambiente de trabalho.

Como os influenciadores internos podem otimizar as atividades de Comunicação Interna?

Quem acredita que só as lideranças podem influenciar o ambiente de trabalho está enganado. Um estudo da consultoria empresarial McKinsey, por exemplo, já revelou que os padrões de influência não necessariamente seguem um organograma.

Pelo contrário, colaboradores de vários níveis da hierarquia podem influenciar seus pares, tanto positivamente quanto negativamente.

Isso acontece porque o ato de influenciar outras pessoas está diretamente relacionado ao carisma, à segurança e à confiança que essa relação passa. Logo, quando alguém com essas características se posiciona, é natural que outras pessoas ao redor parem para ouvir.

Ou seja, quando um colaborador é respeitado, suas palavras e ações tornam-se poderosas e dignas de serem seguidas.

Além disso, de acordo com o estudo realizado pela IC Kollectif, os colaboradores, no geral, preferem conversar e se abrir com pessoas “como elas” – mais do que que com as lideranças diretas.

Por isso, é tão importante saber identificar os influenciadores internos da sua empresa, para que eles possam te apoiar em ações que visam o engajamento, a retenção de talentos e um clima organizacional mais saudável.

Por fim, para entender o importante papel dos influenciadores internos na sua organização saiba que, de acordo com o estudo Disrupting the Function of IC – A Global Perspective, cerca de 90% das notícias recebidas, espalhadas e assimiladas pelos colaboradores não são sequer disponibilizadas nos canais oficiais das empresas.

Além disso, os influenciadores podem ser grandes aliados da Comunicação Interna, uma vez que eles podem se tornar mais um meio de comunicação entre a organização, as lideranças e, é claro, os funcionários, divulgando as ações e garantindo a veracidade dos fatos, viralizando assim somente as informações mais coerentes para os seus funcionários.

Em outras palavras, esses colaboradores têm o poder único de tornar informações virais por meio das suas relações humanas, algo que nenhum outro tipo de canal pode fazer.

Como encontrar influenciadores internos?

De acordo com estudo da IC Kollectif, 3% do quadro de colaboradores de uma empresa têm potencial para ser influenciadores internos. E apesar do número ser relativamente baixo, essas pessoas podem, juntas, atingir 85% do quadro total de funcionários.

Bale ressaltar que alguns influenciadores vão naturalmente se destacar entre seus pares, seja por sua comunicação ou pelo carisma. No entanto, existem também alguns influenciadores mais discretos. Por isso, as empresas precisam estar de olho.

Segundo a Ragan Communications, por exemplo, as características naturais dos influenciadores internos incluem aspectos como:

  • Ser queridos pelos colegas;
  • Ser respeitado no ambiente de trabalho;
  • Ter uma ampla rede de contatos;
  • Alcançar boa comunicação;
  • Entender a missão, visão e valores da organização;
  • Estar otimistas com seu trabalho e ansiosos para ajudar os outros.

O papel das redes sociais corporativas nessa dinâmica

Uma das melhores forma de promover e expandir esse tipo de interação é criando espaços para que os influenciadores possam se expressar, produzir conteúdos e compartilhar conhecimento. Esse é o caso, por exemplo, das redes sociais corporativas. 

De forma resumida, a rede social corporativa é um meio de comunicação interno utilizado pelas empresas com o intuito de aumentar o engajamento entre as equipes.

É um espaço virtual em que influenciadores internos, lideranças, executivos sêniores e colaboradores podem trocar informações e interagir uns com os outros.

Vale ressaltar ainda que, quanto mais engajado for o influenciador, maior será a sua audiência e, consequentemente, o seu resultado.

Mas um ponto importante é que, apesar de toda a relevância dos influenciadores internos, a empresa precisa sempre estar atenta às informações que serão repassadas, evitando assim qualquer tipo de ruído na comunicação.

Afinal, essa é uma parceria que serve para gerar apenas benefícios para todas as partes envolvidas, sejam eles de engajamento, retenção de talentos ou sensação de pertencimento.

Precisando de ajuda em suas ações de Comunicação Interna? Então baixe nosso ebook e descubra como as redes sociais corporativas podem influenciar, ampliar e otimizar os resultados, as ações e as estratégias de comunicação interna.

BWG

BWG

Assine a news e fique por dentro das principais notícias do mundo do RH e da Comunicação Interna.