Como melhorar a gestão de capital humano da minha empresa

gestão de capital humano

Como melhorar a gestão de capital humano da minha empresa

Gestores de empresas de todos os ramos sabem da importância de oferecer um olhar mais cuidadoso e estratégico para questões como, por exemplo, a gestão financeira. Mas e a gestão de capital humano, você sabe o que é?

O mundo dos negócios recentemente tem passado por profundas mudanças e as empresas, naturalmente, precisam se adaptar e estruturar seus processos de forma a enfrentar os novos desafios, sendo eles externos e internos. 

Pensando assim, a gestão do capital humano também é uma estratégia para se destacar da concorrência.

Garantindo o cumprimento desse tipo de abordagem de forma eficiente, unindo-a com a gestão de talentos e competências, é possível tornar o departamento de Recursos Humanos mais estratégico e focado em metas

Muitos líderes, entretanto, não sabem como se organizar para obter o melhor de tudo isso. Se você também está perdido sobre de que tipo de estratégia estamos falando, ou não sabe o que fazer para ter uma gestão de capital humano mais eficiente e com mais resultados, continue lendo.

Hoje vamos explicar em detalhes o que é gestão de capital humano, sua importância e quais as medidas que sua empresa pode adotar para aprimorar essa estratégia..

Acompanhe!

O que é gestão de capital humano?


Gestão de capital humano ou
Human Capital Management (HCM) se trata de um conjunto de práticas, processos e soluções que considera as pessoas como ativos

Quando se trata de capital, temos em mente os aspectos mais econômicos. Mas, para a área de RH, esse conceito diz respeito a todo o potencial que a empresa concentra no objetivo de impulsionar o resultado em ganho financeiro.

Esse potencial se traduz em aspectos como investimento em conhecimento, experiências e as próprias habilidades de seus colaboradores. De maneira resumida, as capacidades observadas nessa gestão, são:

  • capacidade de desenvolver determinadas atividades;
  • capacidade de cumprir o trabalho de forma a produzir valor econômico;
  • capacidade de produzir inovação e melhorias nos processos, produtos e serviços.

 

Dentro dessa ideia, o valor deste capital humano pode ser traduzido em um dado mensurável, assim como o valor que se almeja futuramente pode ser potencializado através de investimentos nas diversas fases do ciclo de vida do profissional na empresa.

Tudo isso, é claro, seguindo um planejamento estratégico.

Importância da gestão de capital humano


A gestão de capital humano é muito importante para qualquer organização, podendo ser considerada uma das principais medidas do planejamento estratégico. 

Entende-se o capital humano como um verdadeiro bem de valor da empresa, e por isso é necessário investir em mecanismos de acompanhamento e gestão que permitam extrair seus melhores resultados.

Mesmo que seja intangível, pois considera outros fatores além dos profissionais em si, gera impacto direto na gestão da empresa como um todo.

A estratégia é pensar na valiosa capacidade de cada profissional como algo a ser capitalizado. É nesse sentido que o papel da liderança importa tanto, pois é o que coordena tudo isso de forma inteligente.

Extrair o máximo de potencial dos conhecimentos e competências de seus colaboradores é um passo crucial para a expansão de qualquer negócio.

Independentemente do porte ou área de atuação, ignorar a importância da gestão de capital humano pode ser, ao longo do tempo, uma auto sabotagem para a companhia. A longo prazo não será possível atingir as metas esperadas e a concorrência ganhará espaço. 

Além disso, investir nessa estratégia será positivo não só para uma meta mais distante, mas também para aquelas mais imediatas. Os benefícios que podem ser sentidos na rotina de trabalho, são:

  • melhoria da qualidade e produtividade das equipes;
  • notável progresso e maior retenção de talentos;
  • equilíbrio entre as expectativas dos profissionais e da empresa;
  • desenvolvimento gradual de novos líderes;
  • mais comprometimento para alcançar os objetivos gerais da empresa;
  • mais motivação e desempenho de profissionais;
  • alinhamento com a cultura organizacional e qualidade de vida no trabalho.

 

Como melhorar a gestão de capital humano


A gestão de capital humano é um processo complexo, afinal, estamos lidando com pessoas também. Isso significa que é preciso encarar o processo de forma
humanizada e inteligente, para que de fato seja possível obter vantagens como as mencionadas anteriormente. 

Vejamos algumas dicas que vão incrementar de forma positiva a sua gestão:

Valorização dos profissionais


Você está dando a devida importância aos seus colaboradores? Eles são a peça mais importante da gestão de capital humano e, ao contrário do que você pensa, eles podem não estar se sentindo tão valorizados assim. 

Procure conhecer o perfil de seus profissionais e suas competências. Esse olhar analítico permite delegar tarefas e responsabilidades da melhor forma, a quem realmente tem capacidade para executá-la com o máximo de excelência. 

Da mesma forma, isso auxilia a escolher a qualificação que melhor se adequa a cada caso, investindo dinheiro da forma certa e fazendo com que o profissional tenha suas habilidades reconhecidas e, consequentemente, se sinta mais motivado.

Aposte em inovação para promover uma cultura colaborativa


Cada colaborador apresenta experiências e conhecimentos diferentes. Essa diversidade precisa ser aproveitada, e nada melhor do que criar uma
cultura colaborativa, onde todos contribuem um pouco para o desenvolvimento da empresa.

Mas mesmo para empresas pequenas é difícil integrar tudo isso de forma que realmente funcione, então como aplicar essa ideia na gestão de capital humano?

Hoje em dia, a inovação das técnicas e a inserção dos meios digitais no ambiente de trabalho colaboram muito para o sucesso dessa estratégia. 

Materiais mais visuais, com atualização instantânea e em tempo real para todas as equipes permitem soluções mais criativas e dinâmicas.

Invista em uma boa gestão de desempenho


A
gestão de desempenho, quando bem organizada, conta com histórico, metas, feedbacks, e tudo isso deve ser encarado como prioridades. 

Esse monitoramento constante é o que permite identificar, dentro do padrão de produtividade, os pontos fortes e fracos, fazendo melhorias e aprimorando os resultados. Uma visão estratégica, é preciso destacar, também considera o tempo presente do mercado e o que ele espera dos profissionais.

Consulte uma empresa especializada


Está tendo dificuldade em encontrar em qual parte da sua gestão de capital humano as coisas estão travadas? Ou ainda, não sabe ao certo se o seu modelo é
eficaz?

Fazer uma análise de todo o processo de forma geral é uma tarefa bem complicada, e nesses momentos, um olhar de fora é capaz de identificar erros até mesmo óbvios, mas que estavam mascarados pela rotina.

Uma empresa especializada pode impulsionar o trabalho, além de oferecer as tecnologias mais recentes do mercado, voltadas para o setor de RH, que trarão mais agilidade e precisão aos processos internos.

 

Essas foram nossas dicas sobre gestão de capital humano. Se você gostou desse conteúdo, confira também qual o papel da curadoria na comunicação interna.

Compartilhe

Deixe seu e-mail e receba antes o nosso conteúdo.