Diversidade no trabalho: benefícios e desafios

diversidade no trabalho

Diversidade no trabalho: benefícios e desafios

A diversidade no trabalho é um tema em pauta nos setores de RH das empresas. Por causa dela, gestores estão cada vez mais preocupados em encontrar formas de trabalhar a inclusão entre as equipes.

No meio corporativo, já é de senso comum que a adoção de uma política de diversidade e inclusão, além de ser uma questão ética e com bons resultados para as pessoas, é excelente também para o desempenho das empresas. 

Por todas essas razões, a diversidade deve ser encarada pelos líderes e gestores como uma estratégia de negócio que também considera o papel social do empreendimento.

Para entender melhor como funciona o amadurecimento dessa postura em qualquer que seja a empresa, neste texto abordaremos os benefícios e desafios da diversidade no trabalho, mostrando o que pode começar a ser feito agora.

O significa diversidade no trabalho?


A diversidade no trabalho é composta por uma organização que se dedica a compor uma força de trabalho, ou seja, um capital humano, que reúna indivíduos de diferentes gêneros, religião, raça, idade, etnia, orientação sexual, educação e outros aspectos.

Significa ser uma empresa que não fecha os olhos para as variedades presentes em nossa sociedade, que aceita os profissionais como são e estimula o aprendizado embasado nessas diferenças.

Os benefícios de adotar essa postura vão de uma perspectiva interna à externa, mas seria um equívoco afirmar que colocar essa ideia em prática é simples e sem dificuldades., afinal, estamos lidando com seres humanos, o que é sempre desafiador.

Benefícios da diversidade no trabalho


As empresas devem participar ativamente da construção de uma
sociedade mais igualitária, o que por si só já é uma razão para incentivar a diversidade no trabalho.

Mas, como veremos a seguir, os benefícios estratégicos que advém dessa proposta também são bem razoáveis. Confira alguns dos principais:

Novas perspectivas


A contratação de pessoas de diversas origens, nacionalidades e culturas é capaz de trazer uma
nova variedade de perspectivas para as pautas internas. 

Além de ampliar a visão de mundo do negócio, isso pode ser muito eficaz  para encontrar a melhor resolução para problemas e aumentar a produtividade, por exemplo. 

O pensamento fora da caixinha é essencial em tempos de inovação, mesmo que em um primeiro momento possa parecer uma proposta um tanto quanto intimidadora para alguns gestores mais conservadores.

As habilidades de tomada de decisão ficarão ainda mais assertivas com esse estímulo à troca de diferentes ideias.

Mais inovação


Continuando o raciocínio do item anterior, podemos dizer que a diversidade no trabalho leva à inovação. 

Um grupo homogêneo de pessoas, ou seja, mesmos padrões de vida, consumo, ideais, experiências e habilidades – tende a fazer tudo seguindo uma mesma espécie roteiro. Não é algo combinado, mas natural quando se trata de pessoas que vieram de meios semelhantes.

Sabemos que, para um negócio, a mesmice não é nada positiva. O mercado busca por soluções criativas o tempo todo, o que exige uma troca de ideias mais diversificada.

A diversidade no trabalho incentiva o destaque a perspectivas únicas que podem resolver problemas que ficariam dias sendo jogados de um lado para o outro em uma equipe homogênea.

Mais talentos e melhor desempenho


O colaborador de hoje não quer apenas um bom salário e estabilidade. O desafio é comprovadamente um fator-chave para o desenvolvimento profissional e a diversidade no trabalho é, sem dúvidas, um fator muito desafiador.

Assim, a diversidade no trabalho se torna um meio de atrair e reter novos talentos que, por sua vez, terão experiências mais diversas e enriquecedoras.

O desempenho em equipe, por sua vez, será impulsionado pela inclusão e a troca de experiências, colaborando para um ambiente de trabalho mais saudável e produtivo.

Aumento dos lucros


Os benefícios da diversidade no trabalho listados até aqui não poderiam deixar faltar nessa lista aquele que talvez seja mais expressivo para os
resultados numéricos de uma empresa: os lucros.

Estudos mostram que a diversidade no trabalho compensa, visto que o aumento do desempenho interno promove um retorno maior. 

Desafios da diversidade no trabalho


Os benefícios da diversidade no trabalho são atraentes para qualquer gestor que sabe das dificuldades de melhorar a gestão de pessoas.

Mas, para quem se dispõe a colocar em prática essa missão, é preciso ter muito compromisso. Principalmente porque é um processo único para cada negócio, não havendo um manual que oriente, um guia que evite erros.

Assim, vejamos quais são os principais obstáculos a serem enfrentados por esse caminho:

Alinhamento com a cultura organizacional


Toda empresa tem sua própria
cultura organizacional. Por isso, tentar copiar iniciativas de outras organizações não é uma estratégia eficaz para adequar a diversidade ao seu ambiente de trabalho.

É importante identificar quais as lacunas específicas que o seu negócio apresenta e, só então, concentrar os recursos certos naquilo que realmente é necessário e trará bons frutos para o desenvolvimento interno.

Conscientização 


A adesão à diversidade no trabalho exige
treinamento sim. Especialmente porque depende da cooperação de todos, exige envolvimento e engajamento. 

Treinar principalmente as lideranças, para que entendam a importância da diversidade no trabalho e possam aplicar essa ideia em suas ações, é primordial. 

Os líderes exercem um papel de influência muito forte em qualquer processo e, por isso, devem entender o que se espera deles.

Resistência interna


Em muitos casos, pode haver uma certa resistência interna à adaptação a uma cultura de diversidade no trabalho.

E isso pode acontecer propositalmente ou não. O ser humano é naturalmente tendencioso, ou seja, se baseia em preconceitos, crenças e intuições, e não nos fatos ou na lógica.

Assim, mesmo o indivíduo com a melhor das intenções, pode acabar tendo uma ação não muito legal e que acaba influenciando os colegas no trabalho. Outros podem, racionalmente, se opor à ideia de um local de trabalho mais diversificado. 

O importante é adotar práticas que eduquem os colaboradores, evitando o receio ao desconhecido e estimulando atividades de troca, interação e engajamento.

 

Estes foram os benefícios e desafios da diversidade no trabalho. Como vimos, incorporar esse perfil à empresa não é tarefa fácil, mas que compensa. Que tal começar a trabalhar nas ferramentas que podem ajudar nessa missão? Veja, por exemplo, como melhorar a comunicação entre setores.

Compartilhe

Deixe seu e-mail e receba antes o nosso conteúdo.