Entenda a relação entre gestão de pessoas e tecnologia

gestão de pessoas e tecnologia

Entenda a relação entre gestão de pessoas e tecnologia

A relação entre gestão de pessoas e tecnologia tem se fortalecido cada vez mais. As empresas começaram a entender que é possível utilizar as ferramentas e processos digitais como forma de fortalecer o relacionamento com seu capital humano.

As experiências de mercado que adotam essa visão têm obtido um retorno expressivo, o que nos faz olhar para essa estratégia com um cuidado ainda maior. 

Por que a tecnologia está se aproximando tanto das pessoas e quais os impactos disso? É o que você vai entender melhor ao longo deste artigo. Confira!

As mudanças no RH


O setor de Recursos Humanos nunca recebeu uma atenção tão grande como no cenário atual. Inovar a gestão de pessoas tem sido um desafio, mas essa necessidade se fez perceber pela mudança do perfil social dos colaboradores.

A tecnologia invadiu nossas vidas com uma intensidade que transformou a forma como pensamos, como buscamos e consumimos informação, como nos relacionamos e, claro, como nos comportamos no ambiente de trabalho.

Entender a mente e o comportamento humano é uma tarefa complexa que tem se tornado ainda mais desafiadora por conta de toda essa evolução.

Consequentemente, o RH passa a gastar mais tempo e energia com essa pauta, pois não é tão fácil garantir funcionários felizes em um mercado tão competitivo, que está em constante atualização e é incerto quanto ao futuro do trabalho.

Paralelamente, há todas as tarefas operacionais que também exigem atenção e que, quando executadas incorretamente, geram prejuízos financeiros. Estamos falando da gestão de folha de pagamento e processos de recrutamento e seleção, por exemplo.

Sendo assim, o RH precisou diminuir o ritmo e pensar que tipo de solução seria viável e útil nesse contexto, oferecendo suporte e adaptação a essas mudanças, acompanhando a competitividade e dando a atenção necessária a seus colaboradores.

Felizmente, a tecnologia também tem acompanhado essas demandas e naturalmente trouxe para dentro das organizações as alternativas de que a gestão tanto precisava, tornando o departamento pessoal mais estratégico.

Impactos da união entre gestão de pessoas e tecnologia


A parceria entre gestão de pessoas e tecnologia revolucionou a forma como os processos de RH são geridos. Além de modificar os processos operacionais, as soluções digitais também criaram novos moldes para as relações de trabalho com os profissionais.

Entre os destaques dessa integração, podemos citar:

Automação da gestão


O RH agora utiliza
softwares de gestão, que automatizam processos e conectam informações de todos os setores em um único espaço digital. Dessa forma, há uma melhor integração das informações.

Essa alteração fez muita diferença. Com um controle mais assertivo desses dados, a tomada de decisão ficou mais clara e segura, refletindo na execução das tarefas. 

Agilidade na rotina


As ferramentas tecnológicas adotadas visam ser intuitivas, ou seja, o propósito é facilitar  e não complicar. As plataformas integradas ao RH têm facilidade de acesso e navegação, permitindo que atividades que antes demandavam tempo agora podem ser concluídas rapidamente. 

Por exemplo, não há mais a necessidade de imprimir documentos, arquivá-los e procurar por eles depois. Um sistema de armazenamento na nuvem é prático e permite que toda a equipe tenha acesso a ele facilmente.

É uma gestão em tempo real.

Descentralização de informações


A centralização de informações em um único local ou a um colaborador em específico é um grande risco para a empresa. Isso dificulta muito o trabalho em caso de perda dos dados por erro do sistema ou se o profissional responsável estiver ausente.

Por essa razão, um dos princípios da integração entre gestão de pessoas e tecnologia é a descentralização. É possível criar um canal corporativo em que todos os envolvidos tenham acesso e possam contribuir com ele.

Através dessa estratégia, líderes e gestores passam a entender melhor os processos e acabam se tornando mais ágeis.

Qualificação dos processos de contratação


Encontrar o candidato ideal para uma vaga, como o melhor
fit cultural não é fácil. Com a tecnologia, porém, é possível cruzar dados que identificam quem tem o perfil ideal para a vaga em questão.

Além de economizar tempo, a contratação assertiva evita problemas futuros, como dificuldade em reter talentos. Para o RH, altos índices de turnover representam gastos excessivos e que pesam muito na estrutura financeira da organização.

Mais do que isso, todo o processo de seleção pode ser aprimorado com a inovação tecnológica. 

Os modelos de recrutamento online agilizam a filtragem de currículos e agendamento de entrevistas, unindo todos os dados em um sistema e criando um histórico do candidato, que facilita o controle das informações e a consulta em futuras oportunidades.

Mensuração de resultados


O RH 4.0, como pode ser chamada a união entre gestão de pessoas e tecnologia, também conta com
indicadores e métricas que permitem avaliar a evolução do trabalho realizado, fazendo melhorias sempre que necessário. 

É possível identificar com clareza quais os pontos que exigem mais atenção, direcionando os recursos para aquilo que realmente demanda investimento. 

Sendo assim, o RH pode focar com mais segurança na disponibilização de treinamentos para lideranças, em ações de endomarketing ou na realocação de colaboradores, por exemplo.

 

Como pudemos ver, a relação entre gestão de pessoas e tecnologia é bastante benéfica para as empresas. Se aprofunde mais no assunto conferindo nosso conteúdo sobre Business Intelligence

 

Compartilhe

Deixe seu e-mail e receba antes o nosso conteúdo.