Cultura de alta performance: como o RH pode ser agente de mudança

cultura de alta performance

Cultura de alta performance: como o RH pode ser agente de mudança

A ideia de uma cultura de alta performance não é novidade no meio corporativo. Desde sempre as empresas trabalham almejam seu crescimento no mercado, atingindo um padrão de excelência que conquiste autoridade para sua marca.

As etapas desse processo, no entanto, é que estão mudando. Atualmente, os gestores começam a entender a importância de criar um laço forte com as pessoas que trabalham dentro da organização.

A compreensão de que o capital humano é o principal agente de mudança para uma cultura de alta performance que realmente funcione a longo prazo pode ainda ser absurda para alguns. 

O importante é entender que adotar essa postura não significa agradar a todo mundo – até porque isso é impossível – mas criar uma cultura forte o bastante para que os colaboradores se sintam satisfeitos o suficiente para não pensarem em sair dali, para darem seu melhor em qualquer tarefa.

Ao longo deste texto vamos explicar melhor essa ideia, além de mostrar como, na prática, a equipe de RH é essencial para o sucesso da estratégia.

O que é cultura de alta performance?


A cultura de alto performance ou desempenho pode ser entendida como o
conjunto de ações internas que levam uma organização a conquistar resultados superiores e relevantes para seu desenvolvimento.

É através dela que a empresa de fato consegue alcançar resultados tangíveis (como o lucro) e intangíveis (como a satisfação do cliente, retenção de talentos, autoridade de marca, etc). O objetivo de qualquer empreendedor, no final das contas.

Muito se fala no uso de tecnologias que surgem com a promessa de conquistar essa meta, mas se esquece que todas as ações precisam, antes de mais nada, estarem alinhadas aos objetivos gerais do negócio, assim como a abordagem humana que ele adota.

Uma companhia de alto valor é aquela que coloca pessoas em primeiro lugar, que entende que sem elas, nenhuma tecnologia será eficiente.

Importância da cultura de alta performance

As empresas que investem em uma cultura de alto desempenho conquistam, principalmente, uma maturidade interna. A importância de cada setor fica mais clara, a responsabilidade fica mais evidente.

Mais do que isso, a atuação mais estratégica proporciona vantagem competitiva, pois seus colaboradores estão mais engajados, mais decididos a encontrar a solução para qualquer problema.

As equipes se tornam mais autônomas, com lideranças mais confiantes e determinadas, o que resulta em uma melhoria contínua dos produtos e serviços, além dos resultados financeiros mais altos.

A gestão mais consistente, por sua vez, reflete na alta taxa de retenção de talentos e cultura organizacional mais firme, pois assim como para o público externo, os colaboradores começam a ver a marca como referência de mercado.

Como o RH contribui para a cultura de alta performance?


Como vimos, a cultura de alta performance é construída por
equipes com bom desempenho e não por tecnologias inovadoras aplicadas de forma isolada.

O agente humano das empresas é o que faz a mudança acontecer e, como sabemos, o RH é o setor responsável pela gestão de pessoas.

Essa visão é característica de um RH mais estratégico, focado em desenvolver ações que contribuam para o aprimoramento de cada profissional, para que, individualmente, todos sejam parte de um coletivo mais produtivo.

Mas que ações, afinal, tornam o RH uma ferramenta essencial nesse cenário? Vejamos algumas das principais delas:

Adequação dos processos de recrutamento


Uma equipe de alta performance começa pela escolha mais assertiva das pessoas que farão parte dela. 

Assim, a contratação de novos talentos deve considerar pessoas que estejam de acordo com a cultura interna, ou seja, com maior fit cultural.

Profissionais alinhados com as metas e objetivos do negócio são mais engajados e proativos, desempenhando um papel protagonista em uma cultura de alta performance.

Para isso, o RH deve mapear todas as caraterísticas que tornam um candidato mais próximo da cultura, realizando um processo de recrutamento e seleção mais personalizado, focado em resultados específicos.

Alinhamento de lideranças


As lideranças representam um dos maiores desafios na implementação de uma cultura de alta performance. Isso acontece porque, em grande parte das vezes, o discurso condiz com as bases da cultura organizacional, mas as ações não.

Esse comportamento cria uma incerteza no cenário interno que mina os objetivos de produtividade, fazendo com que as equipes se sintam desmotivadas com as ideias propostas, já que sabem que a realidade é bem diferente.

O líder deve ser um exemplo a ser seguido, influenciando, orientando e engajando positivamente cada membro de equipe. A transparência e a consistência das decisões e ações tomadas devem ser seguidas à risca.

Para isso, o RH deve investir em treinamentos, workshops, incentivo à eventos, leituras e todo tipo de preparação a que esses líderes possam ter acesso para aprimorar suas estratégias de gestão de acordo com o que tem dado certo em outras corporações.

Melhoria da comunicação interna


Citamos a
transparência como elemento essencial em uma cultura de alta performance. Uma das formas de fortalecer esse aspecto é melhorando a comunicação interna da empresa.

A valorização do diálogo deve ser uma prioridade, muito mais do que as iniciativas tradicionais de comunicação como jornal interno ou newsletter. Se engana quem pensa que comunicação interna é apenas isso.

Esse tópico envolve adotar um RH que se dedica a conhecer a fundo os membros da organização, entender suas necessidades e desenvolver ações de endomarketing que tornem os times mais próximos no dia a dia do trabalho. 

A transparência também se estabelece no momento em que o feedback é contemplado como  uma atividade frequente e natural, e não como um evento que provoca insegurança e nervosismo nos colaboradores.

É toda uma mudança de postura, que começa com o RH e que visa deixar os profissionais confortáveis, motivados, cientes de todas as decisões internas e de sua importância no processo de crescimento do negócio.

 

Quer saber como levar sua empresa em direção à uma cultura de alta performance? O BWG oferece uma consultoria completa em comunicação corporativa, auxiliando seu RH desde o diagnóstico de problemas ao treinamento de liderança. Visite nosso site e saiba como podemos ajudar.

Compartilhe

Deixe seu e-mail e receba antes o nosso conteúdo.